Resenha/Comentário – Gone

Olá pessoas, tudo bom?
Espero que sim, estou sem muitas idéias pra posts, por isso num ando postando muito aqui.
Mas agora vai! Postando a resenha do livro que li a +/- um mês.

 Gone o ultimo livro da série Wake. Foi sem duvida o livro que eu mais enrolei pra ler, pelo simples fato que não queria me separar da História.

Janie já tinha problemas de mais tinha problemas de mais sendo uma apanhadora de sonhos. Depois de seu ultimo ano trabalhando como detetive disfarçada da narcóticos(uma divisão da policia especializada em apreensão de drogas e investigações nesse departamento) seus problemas passaram de uma apanhadora de sonhos acidental, para um investigadora com a estranha habilidade de pegar as coisas no “ar” (ou nos sonhos).

Gone começa em um momento conturbado da vida de Janie. Ela acaba de depor sobre o ocorrido na festa do Sr. Dubin e sua identidade como sendo uma agente da narcóticos é revelada a todos da cidade. Assim sob o olhar de todos a apontando e comentando ela e Cabel, revivem o caso Dublin.

Com o fim das aulas e como forma de fugir do olhar de todos da cidade, Janie e Cabel vão passar as férias em uma cabana junto com o irmão de Cabel, em Fermont.

Tudo parece finalmente estar acertando-se, e os planos são irem para a faculdade e tudo iria acertar-se. Mas Janie recebe estranhos recados de Carrie, e descobre que terá de enfrentar mais alguns sonhos e pesadelos antes de poder seguir em frente, ou desaparecer.

Gone é um livro muito bonito, e é a conclusão perfeita para uma série que não tem nada de sonho, além da estranha habilidade de Janie.
Eu particularmente adoro livros com finais felizes magica e tudo mais, mas me encantei com os dilemas reais vividos por Janie, que envolvem drogas, bebida, mudanças, preconceitos e familias problemáticas.
Recomendo não é um livro para se sonhar, é um livro que você sofre junto, mesmo não se identificando com nem um personagem, e cresce muito com as Experience deles.

“Para todos aqueles que tem problemas em casa, vocês não estão sozinhos” – Dedicatória.

Talvez seja mais fácil concertar corações partidos do que mãos e olhos” – Página 46.

Por hj é só.
A e para quem quiser conhecer o resto da serie Wake segue os links:

FADE

WAKE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: